terça-feira, 19 de agosto de 2008

Somos um...




Vasto silêncio de eterna inspiração...
Sentidos imobilizados num céu de emoções...
Um único suspiro ao luar,
Uma única voz ao amanhecer,
Um interior que chama e vibra.

Lágrimas fúteis sobressaem-se,
Isoladas num mundo leviano,
Borrando as pequenas letras do papel...

No fundo, a trilha sonora das páginas viradas,
Do livro cujos principais personagens somos nós mesmos.
A eternidade nos oculta o fim desconhecido,
Quieto, cessante, imperceptível...
Mas está lá, apenas esperando o momento certo.

Sei que estaremos em algum lugar,
Vivenciando o nosso fim...
Ou talvez um começo esplêndido.

E então, banhada em ondas de amor,
Abrirei meu coração a ti...
E, assim, lhe direi: Seja bem vindo!
.
.
.
.
Imagem: Autor Desconhecido

21 comentários:

Claudia Perotti disse...

e que sejam bem vindas todas as ondas de amor que por ventura seguirem até vc, filhota!

Beijinhosssssssssss

Ricardo Rayol disse...

isso que eu chamo de paixão.

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá !
Belo poema...Espectacular...
Beijo

mi despertar disse...

me ha gustado voy a volver

Cadinho RoCo disse...

Ai o amor que mexe instiga provoca mas ensina; Você é tçao linda!
Cadinho RoCo

Miriette Le Fay disse...

O amor faz os amantes serem transportados para um paraíso
isolando-os do resto do mundo.

Aí sobre o céu de um planeta qualquer
a eternidade abraça
os seus corpos ...

fgiucich disse...

Pienso que será un comienzo espléndido como el poema mismo. Hermoso. Abrazos.

Estrela disse...

Deixo beijos para você!

Ni ... disse...

Lindo!!

Beijo

Oliver Pickwick disse...

"...No fundo, a trilha sonora das páginas viradas..."
Além de fazer referência a música, este verso tem ótima sonoridade. Linda poesia!
Há quanto tempo, hein? A última vez que nos "vimos" ainda existia dinossauros.
Estive por quase dois meses ausente da blogosfera, por este motivo não aparece.
Um beijo!

Paradoxos disse...

poema com vida - convida a ler e reler!!

Delfim peixoto disse...

Gostei

isasidney disse...

GARRAFA AO MAR

Publicar um livro é fácil. Divulgá-lo, o mais difícil. Peço a sua compreensão, ao lançar, no mar da Internet e no seu blog, a minha LUA QUEBRADA!

Um livro para mexer com sua libido. Um romance inesquecível, pela carga de amor, entrega, paixão e erotismo no encontro nada convencional entre um professor e sua aluna.

Publicação da Editora Biblioteca24x7, que comercializa obras pela Internet (edição on-line e impressa).

Buscar, na seção ERÓTICO (ÁREA, à esquerda), esta obra:

LUA QUEBRADA

Autor: Isaias Edson Sidney

ISBN: 978-85-61590-45-1

Só disponível pela Internet, no endereço abaixo:

http://www.biblioteca24x7.com.br

LUA QUEBRADA: PARA INCENDIAR SUA IMAGINAÇÃO!

http://luaquebrada24x7.blogspot.com/

Victor disse...

Querida Giulia
partilhas sempre connosco belos poemas. As ilustrações dos mesmos são cheias de erotismo o que muito os enriquece.
O ocaso é sempre o prenúcio da aurora... poesia plena de esperança, a tua.
Te beijo.

Lia Noronha &Silvio Spersivo disse...

Saudades suas no meu Cotidiano.
Bjus mil!!

fgiucich disse...

Mucho silencio amiga mía. Abrazos.

MADRUGADA... disse...

Desperta o sentido do vento,
numa circulação onde nada faz
sentido, se não houver esse verbo
de tamanha dimensão.

O AMOR.

**

Há brilho por aqui.

Susi disse...

Paixão do começo ao fim. Você adotaria alguém?Prazer em conhecê-la.bj

fgiucich disse...

Pasé a dejarte un abrazo y desearte una muy FELIZ NAVIDAD!!!

Nilson Barcelli disse...

Giulia, vc escreve tão bem... mas já há meses que não o faz...
Quando voltar me avisa.
Bom 2009 para vc e para a sua família.
Beijo.

sel disse...

Oi,linda,passando fazer uma visitinha,adorei o poema...alias adoro o que escreves..bjos!poste mais hein!